Browsing the archives for the origem do vinho. category.


  • Inscreva-se:

    monrta-virtual-de-empresas

    Montra-Virtual é um espaço destinado a particulares, pequenas e médias empresas, assim como, qualquer activo liberal que pretenda anunciar serviços, produtos, artigos, peças, acessórios (novos ou usados).

  • ainda sobre…

  • bebida-vinho: (IMC)-indice de massa corporal

    Formula de calculo: IMC=peso(Kgr.):altura2(metros) Ex: 1ma pessoa que meça 1,70m e pese 70Kgr tem um IMC=70: (1,70x1,70)=24,22 Consulte o link IMC deste site e veja a tabela de referências do Homem e da Mulher
  • bebida-vinho: saúde com pequenos prazeres

    A alimentação é um dos factores mais importantes para se gozar de uma vida plena e com saúde. É particularmente relevante a necessidade de uma dieta rica no consumo de legumes e fibras, devendo-se optar pelo consumo de peixe em detrimento das carnes, sobretudo carnes vermelhas. Não cometa excessos, sobretudo em relação ao álcool, contudo, não se prive dos pequenos prazeres da vida. Com o bom senso, qualquer um prolonga a vida e revigora a boa disposição.
  • Saúde de Corpo e Alma

    saude

    “… doentes com depressão não diagnosticada, vítimas de graves consequências pessoais e profissionais. Sintomas que mascaram os vulgares alertas da depressão… e segundo o presidente da Associação Portuguesa de Psiquiatria Biológica, estes casos devem…” Quando a dor física é o único sinal de Depressão e a Tristeza é doença.”
    in: adepressaodoi.pt/

Origem do Vinho

origem do vinho.

Vinho
Origem da bebida-vinho
bebida-vinho.serrapress.com

O suco fermentado de uva, quase tão antigo quanto a civilização, deu origem aos vinhos. Consta que o vinho foi produzido no Egipto 4000 Antes de Cristo e segundo o Velho Testamento, mal saindo da Arca, Noé plantou as suas primeiras vinhas. A arte da fabricação dos vinhos, tem assim uma longa história e assim foi evoluindo até os tempos de hoje, proporcionando uma enorme de variedade de fabricação de vinhos no Mundo.

No inicio a fermentação suco fazia-se em vasos de barro (ânforas), que depois eram pisada as uvas com os pés (processo tradicional ainda em prática em determinados países produtores de vinho). Por acção dos fermentos naturais das uvas, a glicose transformava-se em álcool o qual era passado para outro recipiente por um sifão, dando origem ao vinho.

Na Grécia antiga a sua elaboração do vinho era mais evoluída. Mais de 50 variedades de videiras eram utilizadas,  dando origem a vários tipos de vinho, o que implicava uma viticultura muito avançada. Conheciam a arte da poda das vinhas para obtenção de produções de qualidade. Recorriam aos processos do envelhecimento dos vinhos graças ao fabrico (oleiros) e uso de ânforas herméticas.  Posteriormente desenvolveram prensas de fuso para melhor extracção do sumo/suco das uvas produzindo mais e melhores vinhos.

Mais tarde, os Romanos depois de aprenderem os processos de fabrico do vinho com os Gregos e de todas as artes da viticultura, levaram-na com a fabricação desta bebida-vinho, a todo o seu império. Na sua evolução, os fabricantes passaram a armazenar e transportar o vinho em barris de madeira mas dado que não eram totalmente herméticos. Até então o vinho só podia ser armazenado e conservado alguns anos, não permitindo o seu conveniente envelhecimento sem o risco da sua adulteração.

Presentemente em determinadas regiões o fabrico desta bebida-vinho segue o processo tradicional, contudo há países com regiões vinícolas recentes onde já se produz vinho utilizando métodos totalmente mecânicos e onde o seu tratamento (fermentação e preparação) é feito cientificamente.

Em Portugal – a arte e saber da fabricação do vinho e temperaturas ideias aliadas à variedade de solos, apresenta no mercado vários tipos de qualidade de vinho. Possui ainda uma excelente tradição na distinção entre marcas de vinho de todo o Mundo. Até ao momento e entre bebidas, o vinho português tem marcado presença na preferência dos portugueses.

bebida, vinho, álcool, bebedouro, embriaguez, líquido, pinga, poção, potagem, poto, bebestíveis, bebedeira, bebedice, borracheira, briol, embriaguez, gimbolinha, jorra, liré, pinga, pingola, pinguinha, pio, piovês, verdasco, vio, zagrão, zagré

No Comments


  • Construção Civil

    Construção Civil

    Orçamentos grátis (Grande Lisboa)

  • mod&magem

    modmagem

    Quem tudo quer... nada perde!
    Modelo(s)/Figurante(s).
    Abertas inscrições sem fidelização/exclusividade/compromisso.
    Todas as idades.

  • bebida-vinho: temáticas

  • Guest House Bartolomeu

    bartolomeu-usf-ericeira-serrapress

    Local: Fonte Boa da Brincosa, Ericeira, Portugal
    Arrenda-se com serventias (quarto-sala-wc-cozinha-quintal)

  • bebida-vinho: de “Colares” – Sintra – Portugal em destaque

    Está situada a aproximadamente a 7 Km da Vila de Sintra. Diz a História que foi conquistada a 1147 aos Mouros. A Vila de Colares caracterizada pelas grandes áreas de pomares, vinhas e grandes areais (praias) é também conhecida pela qualidade dos seus vinhos. As sub regiões vitivinícolas, demarcadas em 1908, situam-se, uma em areais (dunas) entre a Serra de Sintra e o Oceano Atlântico (Chão de Areia) e outra num terreno argiloso(Chão Rijó). O vinho produzido nos terrenos de Chão de Areia tem a denominação D.O.C.-Colares. O produzido a partir das vinhas em terrenos argilosos em Chão Rijó, tem a denominação "Regional Estremadura"